Tão Sua

23:34 Renata Kawane 1 Comments

                        Ao som: Colbie Caillat - Realize
As vezes andando por ai, me pego sorrindo pro mundo, como uma garota propaganda de pasta de dente, porque lembrei de você.E você me faz rir, e mesmo sem você saber isso já é um grande passo.Eu passo e repasso tudo, só pra ver se nas entrelinhas de alguma palavra tem uma chave debaixo do tapete que me faça abrir alguma porta.Porque no mistério do teu sorriso de menino, eu me vejo gostando tanto do teu sorriso, não cogitando mais a possibilidade de viver sem ele.
E eu não sei o que está havendo.
Me sinto com os pés cravados no chão, porque ao dar um passo posso estar entrando no paraíso ou ativando uma destruição.
Tenho medo. Medo de tudo acontecer tão rápido que eu não possa acompanhar ou tão devagar que eu me canse, e espere o próximo trem.
O problema é que eu não quero esperar o próximo trem, porque quero embarcar neste, seja lá onde for parar, e mesmo que isto me assuste e me deixe sem ar, eu quero entrar, e ir até a ultima estação. Mesmo que eu desça toda amassada, procurando ar, eu quero entrar.
Mas me diz onde é que se compra as passagens? Eu corro silenciosamente buscando vestígios, mas quando penso que achei, tudo some, e me vejo num deserto chegando apenas em miragens.
Eu gosto de fantasiar que nesta busca você me diz "Entre! A passagem é VOCÊ".
 Me vejo fazendo nada, sendo que quero fazer tudo, e por tudo ser tão tudo, nada seria melhor.
E eu te acho um rapaz I-N-C-R-I-V-E-L. Incrível com letras garrafais, porque é assim que te vejo.
De repente me vejo parada numa vontade de ser sua, tão sua, que me
apavora a ideia de você nunca ser meu.

1 comentários:

Eni disse...

Aspirante a escritora que lindo!

eu tb tenho esse sonho, li e adorei o texto já adicionei pra seguir, vamos manter contato acho que temos muito a aprender com a outra!
:*